O Martim já está em casa!

 

- 19:00h, tocou o telefone, e do lado de lá, na sua voz que tudo revela pelo seu tom, a mãe do Martim disse a plenos pulmões:

- Estamos em casa!

 

Que alegria!

 

No dia internacional da família, que melhor notícia do que receber uma chamada desta família que também é minha, e de quem sei que também sou família, com alvíssaras de boas notícias deste sobrinho querido.

 

Há uns dias a mãe do Martim ligou-me, com um outro tom na voz, preocupada, assustada e a sentir-se perdida.....o Martim, com pressa de comer a super sopa da mãe, teve um incidente com a panela....e a mãe lembrou-se desta tia adoptada, que virou família de amor, e pediu ajuda.
Como sempre cá amparamos, orientamos a apoiamos este momento.

 

E hoje veio a boa nova!

Foi um susto, passou, mais um momento a que todos sobreviveram.

 

O que fica:
O susto já lá vai, mas neste susto ficou bem patente o quão as famílias confiam neste porto d'abrigo que é o D'Barriga.....há já 10 anos com tantas e tantas famílias, que são nossas também.

 

Pelo vínculo, pela confiança, pela consideração, carinho, respeito e AMOR que recebo de cada uma destas minhas famílias me sinto imensamente GRATA!

 

Hoje, dia Internacional da Família, esperava pelo telefonema com as notícias do Martim para escrever este texto.

 

Come a sopa toda Martim!